Em comunicado de Toto Wolff na manhã desta quarta a Mercedes confirmou que atual piloto da Williams, o Inglês George Russell será o substituto do sete vezes campeão Lewis Hamilton diagnosticado com Covid-19 (antecipado aqui),

O acerto entre as equipes só foi possível ja que a equipe alemã fornece as unidades de potência á equipe britânica.

Russell após conquistar o título da fórmula 2 em 2018, o britânico assinou, contrato de três anos para correr com a Williams na categoria máxima do automobilismo. Confirmado na equipe inglêsa até o final da temporada de 2021, George Russell ainda pode correr o GP de Abu Dhabi pela Mercedes, a depender da recuperação de Hamilton.

“Em primeiro lugar, quero agradecer nossos parceiros leais na Williams pela colaboração e a mente aberta, tornando isso possível para George”, disse Toto Wolff. “As conversas com eles foram positivas e pragmáticas, fatores-chave para chegarmos a um acordo”.

Por outro lado Russell agradeceu a Williams pela oportunidade, mas fez questão de frisar que segue sendo um piloto da equipe britânica.
“Primeiro, quero agradecer à Williams por me dar essa oportunidade. Posso estar com um macacão diferente neste fim de semana, mas sou um piloto da Williams e estarei torcendo por eles todos os momentos”.

“Vejo isso como uma grande chance de aprender com a melhor equipe do grid, voltando como um piloto melhor, com mais energia e experiência para ajudar a levar a Williams mais acima no grid. Muito obrigado também à Mercedes por depositar sua fé em mim”.

E para substituir o Russell na Williams foi chamado o anglo-sul-coreano Jack Aitken que fará sua estreia na fórmula 1 correndo pela Williams na prova do GP de Sakhir no Bahrein. Nesta corrida terão dois estreantes, o brasileiro Pietro Fittipaldi na equipe americana Hass que substituirá o francês Romain Grosjean que se recupera em casa ao sair do carro incendiado na prova da semana passada. E o Aitken substituto do Russell na Williams. Sem conseguir conter a felicidade de estrear na categoria Aitken disse

“Mal posso acreditar nessa oportunidade de fazer minha estreia com a Williams neste fim de semana e estou muito feliz pela chance de George também”.

“Significa muito para mim quando digo que estou em casa aqui na Williams desde que assinei com a equipe, e ter a chance de ajudá-los a conquistar pontos é algo extremamente satisfatório”.

“Vou dar o meu melhor para me preparar mas, na verdade, me sinto pronto desde Melbourne”, concluiu Aitken.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Close