Novo Renault Duster
Novo Renault Duster

No design as mudanças foram sutís, apesar da aplicação de nova chaparia, o que permitiu uma eficiência maior deixando o SUV mais atraente, principalmente com a inclinação do anglo do para-brisas, diminuindo o CX (Coeficiente Aerodinâmico) do carro.

Novo Renault Duster

No interior o painel ficou mais bonito e harmonioso, com o uso de novos materiais mais nobres deixando um toque mais macio e suave. Com destaque para os apliques metalizados nas saídas de ar e nos comandos do ar-condicionado.As mudanças no interior não param por ai.

Novo Renault Duster

No centro do painel se destaca a tela de multimídia (Easy Link) de oito polegadas, com várias informações até o velocímetro digital e conexão Apple Carplay e Android Auto (neste caso com conexão por cabo), o que é uma pena. As teclas tipo piano, comuns em modelos de maior valor, têm comandos entre as normais, como desembaçador. A novidade é o sistema start-stop e posições de quatro câmeras, com cinco ângulos que ajudam muito para estacionar em vagas apertadas.

Novo Renault Duster

Continuando no interior, o novo Duster melhorou no isolamento, diminuindo ruídos externos e vibrações. O espaço do carro continua como um dos melhores da categoria. Já a suspensão ficou mais eficiente diminuindo a transferência para o volante de solavancos provocados por vias esburacadas e estradas de terra. Resultado pelos seus 23,7 cm de altura em relação ao solo e seus pneus aro 17, da Continental 215/60.

Novo Renault Duster

A chave do tipo cartão precisa apenas ser aproximada do carro para que o alarme seja desativado e as portas se destravem para entrar e sair do carro. Sistema que é uma vantagem em época de coronavírus, já que ao sair de casa é só colocar a chave na bolsa e só pegá-la ao chegar de volta a casa. Os bancos ganharam novo revestimento, agora são de couro e as rodas aro 17″ possuem acabamento escurecido e desenho exclusivo em relação às demais versões.

Novo Renault Duster

Os faróis trazem luz diurna (DRL) em LED, enquanto os retrovisores contam com alerta de ponto cego. Os controles de estabilidade e tração agora são item padrão. O motor 1.6 SCe flex de 120 cv com 16 Kgfm de torque em conjunto com o câmbio CVT não decepciona. Mas ao que se sabe a Renault já trabalha em uma versão equipada com motor flex 1.3 turbo desenvolvido em parceria com a Mercedes na Europa, ainda sem data para sua chegada.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Close